CNV - Comissão Nacional da Verdade - CNV - Comissão Nacional da Verdade
Portal do Governo Brasileiro

Banners rotativos Títulos dos banners apresentados
Terça, 26 de Maio de 2015 às 16:13

Documentos citados no Capítulo 13

 

1 - Sobre a identificação de componentes do Grupo dos Onze, ver Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ACT_ACE_4904_84.

 

2 - Documento "Proposta de Organização de Leonel Brizola dos 'Grupos de Onze Companheiros' ou 'Comandos Nacionalistas'", de 29 de novembro de 1963. In: O Panfleto, de 17 de fevereiro de 1964.

 

3 - O corpo do sargento foi encontrado boiando, com mãos e pês atados, nas aguas do rio Jacuí no dia 24 de agosto de 1966. O episódio ficou conhecido como o "Caso das mãos amarradas". Foi um dos primeiros casos de tortura e morte de militar por agentes da repressão.

 

4 - Arquivo CNV, 00092.001416/2014-77: Testemunho de Valdetar Antônio Dorneles em Audiência Pública realizada pela CNV, em 29 de junho de 2014.

 

5 - Ibid.

 

6 - Ibid.

 

7 - Havia, de fato, uma ampla rede de militares ligados a Brizola no Rio Grande do Sul. Ver declarações de Alberi Vieira dos Santos (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_96391_65).

 

8 - "Este homem quis incendiar o país", entrevista de Jefferson Cardim ao CooJornal, ano IV, Porto Alegre, nº 35, dezembro de 1978, p. 127.

 

9 - Ibid.

 

10 - Informe nº 1.078/65, do Quartel-General da 5ª Zona Aérea, de 28 de mario de 1965 (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_96391_65).

 

11 - Informação nº 55, da 2ª Seção do Estado-Maior da Aeronáutica, documento secreto de 3 de junho de 1965 (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_VAZ_051A_0027).

 

12 - Informe nº 111/QG-4, de 3 de maio de 1965 (Arquivo Nacional, CISA: BR_DFANBSB_VAZ_053B_0030).

 

13 - Entre 30 de maio de 2014 e 3 de julho de 2014, a Comissão Nacional da Verdade esteve em Três Passos (RS) e região.

 

14 - Arquivo CNV, 00092.001416/2014-77: Testemunho de Valdetar Antônio Dorneles em Audiência Pública realizada pela CNV, em 29 de junho de 2014.

 

15 - Arquivo Nacional, CIEX/MRE: BR_DFANBSB_ IE_001_008, p. 23.

 

16 - FILHO, F. C. Leite. El caudillo – Leonel Brizola: um perfil biográfico. São Paulo: Aquariana, 2008, p. 302.

 

17 - Arquivo CNV, 00092.001912/2014-21: Testemunho de Álvaro Moreira de Oliveira Filho à CNV, em 6 de junho de 2014.

 

18 - "Este homem quis incendiar o país", entrevista de Jefferson Cardim ao CooJornal, ano IV, Porto Alegre, no 35, dezembro de 1978, p. 123.

 

19 - Arquivo CNV, 00092.001416/2014-77: Testemunho de Valdetar Antônio Dorneles em Audiência Pública realizada pela CNV, em 29 de junho de 2014.

 

20 - Acórdão da apelação nº 2001.04.01.085202-9, que tramitou na 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sob a relatoria da Desembargadora Federal Vânia Hack de Almeida.

 

21 - TOVO, Paulo Claudio. "Relatório integrante da apelação civil 2001.04.01.085202-9/RS". In: Poder Judiciário – TRF4. O direito na história – o caso das mãos amarradas. Porto Alegre, 2008, p. 11.

 

22 - Ibid., p. 26.

 

23 - Arquivo Nacional, CEMDP: BR_DFANBSB_AT0_0062_0003, pp. 40-42.

 

24 - Ibid., p. 9.

 

25 - Arquivo Nacional, DSI/MRE: BR_DFANBSB_Z4_DHU_0017.

 

26 - Arquivo CNV, 00092.001877/2014-40: Audiência Pública sobre os 50 anos do Massacre de Ipatinga, em 7 de outubro de 2013, organizada pelo Fórum Memória e Verdade do Vale do Aço, em parceria com a Comissão Nacional da Verdade e com a Comissão da Verdade do Estado de Minas Gerais.

 

27 - Arquivo CNV, 00092.001877/2014-40: Testemunho de José Horta de Carvalho em Audiência Pública sobre os 50 anos do Massacre de Ipatinga, em 7 de outubro de 2013.

 

28 - Arquivo CNV, 00092.001877/2014-40: Audiência Pública sobre os 50 anos do Massacre de Ipatinga, em 7 de outubro de 2013, organizada pelo Fórum Memória e Verdade do Vale do Aço, em parceria com a Comissão Nacional da Verdade e com a Comissão da Verdade do Estado de Minas Gerais.

 

29 - Arquivo CNV, 00092.003495/2014-51: Testemunho de Dirce Machado da Silva em Audiência Pública realizada pela CNV sobre a Luta Camponesa de Trombas e Formoso, em 15 de março de 2014.

 

30 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AGO_ACE_7286_83.

 

31 - Arquivo CNV, 00092.000308/2013-04: Testemunho de Arão de Souza Gil à CNV, em 17 de janeiro de 2013.

 

32 - Arquivo CNV, 00092.002035/2013-24: Testemunho de Dirce Machado da Silva à CNV, em 3 de dezembro de 2012.

 

33 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_78210_73_004, p. 39.

 

34 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_37923_71, p. 5.

 

35 - Ibid., p. 18.

 

36 - Arquivo Nacional, Taís Morais: BR_DFANBSB_VAY_0059_d.

 

37 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_37923_71, p. 24.

 

38 - Ibid., pp. 15-16.

 

39 - Ibid., p. 17.

 

40 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_38769_71, p. 3.

 

41 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_38769_71, p. 6.

 

42 - Arquivo CNV, 00092.000150/2014-45: Ofício nº 13-A2.2/A2/GabCmtEx.

 

43 - Durante agenda da CNV na região.

 

44 - Arquivo CNV, 00092.002212/2013-72: Testemunho de Abelardo Barbosa de Oliveira à CNV, em 22 de outubro de 2013.

 

45 - Arquivo CNV, 00092.02212/2013-72: Testemunho de Messias Gomes Chaves à CNV, em outubro de 2013.

 

46 - Arquivo CNV, 00092.002228/2013-85: Depoimento de Anísio Coutinho Aguiar à CNV, em 22 de outubro de 2013.

 

47 - Depoimento de César Queiroz Benjamin para o documentário "Em busca de Iara". Direção: Flávio Frederico. Produção: Flávio Frederico, Mariana Pamplona. Brasil: Kinoscópio Cinematográfica, 2013 (91 min.).

 

48 - BURNIER, João Paulo Moreira. João Paulo Moreira Burnier: depoimento (1993). Rio de Janeiro: CPDOC, 2005, pp. 119 e 137.

 

49 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_41397_71; e Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_41397_71_anexo.

 

50 - Arquivo CNV, 00092.001281/2014-40: Depoimento de Lúcio Valle Barroso à CNV, em 9 de junho de 2014.

 

51 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_41397_71; e Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_41397_71_anexo. Em outros momentos do documento, há referências: "Constituídas duas equipes da Cia A G do 19º BC e comandadas por dois capitães desse Batalhão, a coordenação foi extremamente facilitada, por haver perfeita identidade de conhecimentos doutrinários, por todos os integrantes dessas equipes"; e também: "O emprego da doutrina A G só se justifica quando o inimigo se apresentar em valor compatível, não sendo adequado contra pequenos bandos".

 

52 - Informação nº 69119E/71/AC/SNI (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_40441_71).

 

53 - Agenda da CNV em Salvador (BA), nos dias 4 e 5 de agosto de 2014.

 

54 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ABH_ACE_7038_82.

 

55 - Ibid.

 

56 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AGO_ACE_4607_83, p. 2.

 

57 - Arquivo CNV, 00092.001656/2014-71: Testemunho de Eurípedes João da Silva à CNV, em 16 de setembro de 2013.

 

58 - Ibid.

 

59 - Arquivo CNV, 00092.002232/2013-43: Depoimento de Epaminondas Pereira do Nascimento à CNV e ao Ministério Público Federal, em 20 de setembro de 2013.

 

60 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AGO_ACE_718_80.

 

61 - Ibid.

 

62 - Ibid., pp. 5-6.

 

63 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

64 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_APA_ACE_7896_84.

 

65 - ALMEIDA, Crimeia Schmidt de; TELES, Janaina de Almeida; TELES, Maria Amélia de Almeida; e LISBÔA, Suzana Keninger (orgs.). Dossiê ditadura: mortos e desaparecidos políticos no Brasil (1964-1985), 2. ed. São Paulo: Instituto de Estudos sobre a Violência do Estado; Imprensa Oficial, 2009, pp. 584-585.

 

66 - Ibid., p. 585.

 

67 - Arquivo CNV, 00092.000732/2014-21: Depoimento de Paulo Malhães à CNV, em 25 de março de 2014.

 

68 - Arquivo Nacional, CISA: BR_DFANBSB_VAZ_037A_0241.

 

69 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_73736_74.

 

70 - Ibid.

 

71 - Arquivo CNV, 00092.000732/2014-21: Depoimento de Paulo Malhães à CNV, em 25 de março de 2014.

 

72 - "Os matadores", IstoÉ, de 24 de julho de 2014.

 

73 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

74 - Arquivo CNV, 00092.000211/2012-11: Depoimento de Otávio Rainolfo a representantes da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em novembro de 2010.

 

75 - Arquivo CNV, 00092.000706/2013-12: Depoimento de Otávio Rainolfo à CNV, em 28 de junho de 2013.

 

76 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

77 - Arquivo CNV, 00092.000706/2013-12: Depoimento de Otávio Rainolfo à CNV, em 28 de junho de 2013.

 

78 - Ibid.

 

79 - Arquivo CNV, 00092.000732/2014-21: Depoimento de Paulo Malhães à CNV, em 25 de março de 2014.

 

80 - Arquivo CNV, 00092.000706/2013-12: Depoimento de Otávio Rainolfo à CNV, em 28 de junho de 2013. O depoimento faz referência a possível presença do então capitão Sebastião Rodrigues de Moura, o Curió, que usava o codinome "Doutor Luchini". Nas folhas de alterações de Curió constam duas viagens – uma entre 30 de maio e 4 de junho e outra entre 12 e 30 de junho – a Porto Alegre (RS), com escala em Curitiba (PR) (em Arquivo CNV, 00092.002056/2014-21). Em 31 de dezembro de 1974, Sebastião Rodrigues de Moura recebeu o seguinte elogio do general de brigada Confúcio Danton de Paula Avelino, chefe do CIE: "Oficial dotado de larga experiência e comprovada eficiência nos trabalhos de informações, com grande espirito de iniciativa e coragem pessoal, planejou e executou difíceis e arriscadas missões em várias regiões do território nacional" (também em Arquivo CNV, 00092.002056/2014-21).

 

81 - D’ARAÚJO, Maria Celina; SOARES, Glaucio Ary Dillon; CASTRO, Celso (orgs.). Os anos de chumbo: a memória militar sobre a repressão. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1994, p. 118.

 

82 - Arquivo CNV, 00092.000962/2013-18: Depoimento de Gilberto Giovannetti à CNV, em 28 de junho de 2013.

 

83 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

84 - Na semana de 2 a 5 de dezembro de 2013, diante de equipe técnica da CNV.

 

85 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_APA_ACE_7732_83, p. 3.

 

86 - Já em abril de 1964, foi morto Antogildo Pascoal Viana, estivador amazonense, presidente do Sindicato dos Estivadores de Manaus. Em 1º de maio, foi morto o sindicalista mineiro Carlos Schirmer. Em 7 de maio, foi morto o baiano Pedro Domiense de Oliveira, funcionário público. A estes somam-se o sergipano Manuel Alves de Oliveira, segundo-sargento do Exército, o gráfico e sindicalista pernambucano Newton Eduardo de Oliveira, os líderes camponeses da Paraíba João Alfredo Dias, o Nego Fubá, Pedro Inácio de Araújo, o Pedro Fazendeiro, estes últimos desaparecidos em 7 de setembro, dia da Independência do Brasil. Israel Tavares Roque também foi morto e é desaparecido político desde 15 de novembro de 1964. Também o marítimo catarinense Divo Fernandes D’Oliveira desapareceu entre o final de 1964 e começo de 1965. Todas essas vítimas tinham em comum o fato de serem militantes do PCB. Em 28 de julho de 1965, foi preso Severino Elias de Melo, que havia participado com Luís Carlos Prestes da Revolta dos Tenentes, tendo sido por isso afastado da Forca Aérea. Foi levado para a Base Aérea do Galeão (RJ). Lá ficou incomunicável, não resistiu as torturas e morreu dois dias depois.

 

87 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_31700_70.

 

88 - Arquivo CNV, 00092.000307/2013-51: Declaração por escrito de Marival Chaves Dias do Canto, entregue à CNV em 30 de outubro de 2012.

 

89 - D’ARAÚJO, Maria Celina; CASTRO, Celso. Ernesto Geisel. Rio de Janeiro: Fundacao Getulio Vargas, 1997, p. 366.

 

90 - Informações nº 485/75 e nº 487/75, ambos de 13 de março de 1975, da 2ª Seção do II Exército (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_81057_75, pp. 8-11).

 

91 - Arquivo CNV, 00092.000307/2013-51: Declaração por escrito de Marival Chaves Dias do Canto, entregue à CNV em 30 de outubro de 2012.

 

92 - Ibid.

 

93 - Arquivo Nacional, CISA: BR_DFANBSB_VAZ_009_0088.

 

94 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ASP_ACE_10230_82.

 

95 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

96 - Arquivo CNV, 00092.001686/2014-88: Depoimento de Cláudio Antônio Guerra à CNV, em 23 de julho de 2014.

 

97 - Ibid.

 

98 - ALMEIDA, Criméia Schmidt de; TELES, Janaina de Almeida; TELES, Maria Amélia de Almeida; e LISBÔA, Suzana Keninger (orgs.). Dossiê ditadura: mortos e desaparecidos políticos no Brasil (1964-1985), 2. ed. São Paulo: Instituto de Estudos sobre a Violência do Estado; Imprensa Oficial, 2009, p. 562.

 

99 - Esta versão difere da apresentada pelo ex-delegado Claudio Antônio Guerra, sobre o destino dos corpos de Maranhão Filho e Massena Melo.

 

100 - Arquivo CNV, 00092.000283/2014-11: Depoimento de Marival Chaves Dias do Canto à CNV, em 7 de fevereiro de 2014.

 

101 - Arquivo CNV, 00092.001686/2014-88: Depoimento de Cláudio Antônio Guerra à CNV, em 23 de julho de 2014.

 

102 - Arquivo Nacional, CISA: BR_DFANBSB_VAZ_082_0172.

 

103 - O PCdoB, por meio da resolução nº 4 de seu 6° Congresso, em 1983, decidiu pela expulsão de Jover Telles, "como traidor e colaborador direto dos órgãos de repressão. Foi ele que forneceu os dados e indicações do local e da reunião do Comitê Central, em meados de dezembro de 1976, participando pessoalmente do esquema montado pelo I e II Exércitos para prender e assassinar dirigentes do partido" (Partido Comunista do Brasil, 1992).

 

104 - D’ARAÚJO, Maria Celina; SOARES, Glaucio Ary Dillon; CASTRO, Celso (orgs.). Os anos de chumbo: a memória militar sobre a repressão. Rio de Janeiro: Relume-Dumará. 1994, pp. 242-243.

 

105 - Arquivo Nacional, CISA: BR_DFANBSB_VAZ_001_0061.

 

106 - Ibid.

 

107 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ESP_ACE_3973_80.

 

108 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ASP_ACE_11303_82.

 

109 - Arquivo CNV, 00092.000810/2013-15: Depoimento de Wladimir Ventura Pomar à Comissão Municipal da Verdade Vladimir Herzog, em agosto de 2012.

 

110 - Arquivo CNV, 00092.000810/2013-15: Depoimento de Aldo Arantes à Comissão Municipal da Verdade Vladimir Herzog, em agosto de 2012.

 

111 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_ARJ_ACE_7773_83.

 

112 - Arquivo CNV, 00092.001734/2014-38: Depoimento de Pedro Estevam da Rocha Pomar à CNV, em 7 de agosto de 2014.

 

113 - GUERRA, Cláudio. Memórias de uma guerra suja. Rio de Janeiro: Topbooks, 2012, pp. 66-69.

 

114 - Arquivo Nacional, Taís Morais: BR_DFANBSB_VAY_0030_d.

 

115 - POMAR, Pedro Estevam da Rocha. Massacre na Lapa: como o Exército liquidou o Comitê Central do PCdoB. São Paulo: Editora Busca Vida, 1987, pp. 193-194.

 

116 - Ibid., pp. 195-200.

 

117 - Entrevista de Zuleika Angel Jones, O Estado de S. Paulo, de 15 de setembro de 1971.

 

118 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_93147_76, p. 7.

 

119 - O caso de Stuart Jones está relatado no Capítulo 12 deste Relatório; e o de sua esposa, Sônia Maria Lopes de Moraes Angel Jones, no Capítulo 11.

 

120 - Tradução livre. No original: "Nowadays, in this country, Stuart is a symbol; a symbol of a whole martyrized generation. It symbolizes the democracy you have on your great country, which is denied to us, Brazilians. You see, Mr. Secretary, although my son has been born here, in Brazil, after his murdering the story spread quickly (without being published by our press - hard censorship, you know), all over the country: “this time the militaries tortured to death a rich American, and people said he was a martyr, a young boy, who believed on the cause of the Brazilian poor people". Há uma cópia da carta no processo nº 237/1996 da CEMDP (Arquivo Nacional, CEMDP: BR_DFANBSB_AT0_0080_0007, p. 91).

 

121 - Decreto presidencial nº 228, de 1º de dezembro de 1971.

 

122 - Arquivo Nacional, DSI/MRE: BR_DFANBSB_Z4_REX_IBR_0022, pp. 7-8.

 

123 - Pedido de busca nº 1.731, de 8 de outubro de 1971, do CIE ao DOPS/RJ (Arquivo Nacional, CEMDP: BR_DFANBSB_AT0_0080_0007, p. 205).

 

124 - Informe nº 55/72-E2.2, de 18 de fevereiro de 1972, enviado para a Agência Central do SNI pelo adido militar do Brasil nos Estados Unidos (Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_43870_72, p. 2).

 

125 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DF_ANBSB_V8_AC_ACE_58561_73, pp. 12-13.

 

126 - Arquivo Nacional, SNI: BR_DFANBSB_V8_AC_ACE_93667_76, p. 7.

 

127 - Arquivo Nacional, CEMDP, BR_DFANBSB_AT0_0080_0007, p. 308.

 

128 - Relatório final do Inquérito nº 118/76, da Secretaria de Estado de Segurança Pública do Rio de Janeiro, de 23 de abril de 1976 (Arquivo Nacional, CEMDP, BR_DFANBSB_AT0_0081_0001, pp. 97-115).

 

129 - Arquivo Nacional, CEMDP: BR_DFANBSB_AT0_0080_0007, p. 188.

 

130 - Arquivo Nacional, CEMDP: BR_DFANBSB_AT0_0081_0001, p. 128.

 

131 - HANDLER, Bruce David. "Death Ends Mother Search", Washington Post, de 17 de abril de 1976.

 

132 - Arquivo Nacional, DSI/MRE: BR_DFANBSB_Z4_DPN_PES_0174, p. 21.

 

133 - Arquivo Nacional, DSI/MRE: BR_DFANBSB_Z4_DPN_PES_0708, p. 1.

 

134 - Arquivo CNV, 00092.001686/2014-88: Depoimento de Cláudio Antônio Guerra à CNV, em 23 de julho de 2014.

 

135 - "A intenção primeira do Instituto é preservar a memória da estilista Zuzu Angel, sua obra e sua luta, através da difusão de suas realizações e reivindicações. A intenção primeira do Instituto é preservar a memória da estilista Zuzu Angel, sua obra e sua luta, através da difusão de suas realizações e reivindicações. Assim, damos continuidade, através de ações diferenciadas, na área acadêmica, na promoção de concursos, congressos, distribuição de bolsas de estudos etc., à cruzada iniciada por Zuzu Angel por uma moda genuinamente brasileira, cultivando nossos valores, raízes, materiais, artesania, mão de obra, expressando nossa cultura e nossa História. Outro propósito do IZA é prestigiar a memória da produção cultural brasileira, através da moda, preservando nossas raízes e resgatando nossa História" (texto disponível no sítio do Instituto).

 

136 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 28/81, vol. I, fl. 90, p. 91.

 

137 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 28/81, vol. VII, fl. 1552, p. 157.

 

138 - Esta agenda, com anotações e diversos contatos telefônicos do sargento Guilherme Pereira do Rosário, foi, posteriormente, entregue ao general de divisão Sérgio Ernesto Alves Conforto, encarregado do IPM de 1999.

 

139 - "Bombas, versões e o silêncio", IstoÉ, de 13 de maio de 1981.

 

140 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 28/81, vol. I, fl. 86, p. 87.

 

141 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 420/99, vol. II, fl. 287, p. 33.

 

142 - ARGOLO, José; RIBEIRO, Kátia; FORTUNATO, Luiz Alberto M. A direita explosiva no Brasil. Rio de Janeiro: Mauad, 1996, p. 243.

 

143 - O atentado com bomba no Riocentro deveria ter sido executado no mesmo show de 1º de maio, no ano anterior, 1980. Entre 1980 e 30 de abril de 1981, houve dezenas de atentados com bomba, em lugares como Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Recife, Salvador, Porto Alegre, Curitiba, Brasília, Niterói e cidades do interior de estados como Rio Grande do Sul e Minas Gerais. Os alvos eram lideranças de resistência e oposição à ditadura, como Leonel Brizola (em 18 de janeiro de 1980 foi desativada bomba-relógio no 19º andar do hotel Everest, no Rio de Janeiro, onde estava hospedado), Sobral Pinto (em 14 de março de 1980 foi desativada bomba em seu escritório, no Rio de Janeiro) e Marcelo Cerqueira (em 11 de julho de 1981, houve incêndio e explosão de seu carro, no Rio de Janeiro); partidos de oposição (em 28 de janeiro de 1980, bomba explode na quadra da Escola de Samba Acadêmicos do Salgueiro, no Rio de Janeiro, durante comício do PMDB); jornais (em 31 de marco de 1980, bombas explodem no jornal Hora do Povo, no Rio de Janeiro; em 23 de maio de 1980, bomba destrói a redação do jornal Em Tempo, em Belo Horizonte; em 27 de agosto de 1980, carta-bomba enviada ao jornal Tribuna da Luta Operária, no Rio de Janeiro) e bancas de jornal (entre abril e setembro de 1980, bombas explodem em dezenas de bancas de jornal, em Brasília, no Rio de Janeiro, em Porto Alegre, em Curitiba, em Belo Horizonte, em Belém e em São Paulo). Somente em 27 de agosto de 1980, houve várias explosões no Rio de Janeiro: uma carta-bomba na sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) matou a secretária do Conselho Federal, dona Lydia Monteiro; uma bomba na Câmara Municipal, no gabinete do vereador Antônio Carlos de Carvalho, atingiu o assessor Jose Ribamar e mais cinco pessoas; um artefato explodiu no jornal Tribuna da Luta Operária; e outro, na sede da Superintendência Nacional de Abastecimento (Sunab).

 

144 - O coronel Dickson Melges Grael é pai dos medalhistas olímpicos Lars e Torben Schmidt Grael.

 

145 - Programa Arquivo N, "Riocentro", da Globo News, de 19 de fevereiro de 2014.

 

146 - MOTTA, A. M. (org.). "História oral do Exército". 1964, 31 de Março: o movimento revolucionário e a sua história. Tomo 9. Rio de Janeiro: Biblioteca do Exército Editora, 2003, pp. 358-359.

 

147 - "Bombas, versoes e o silencio", IstoÉ, de 13 de maio de 1981.

 

148 - Entrevista de Júlio de Sá Bierrenbach, Época, de 21 de junho de 1999.

 

149 - Arquivo CNV, 00092.001421/2014-80: Depoimento de Júlio de Sá Bierrenbach à CNV, em 25 de abril de 2014.

 

150 - BIERRENBACH, Júlio de Sá. Riocentro, quais os responsáveis pela impunidade?. Rio de Janeiro: Domínio Público, 1996; e GRAEL, Dickson Melges. Aventura, corrupção e terrorismo: à sombra da impunidade. Petrópolis: Vozes, 1985.

 

151 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 28/81, vol. IV, fl. 915, p. 315.

 

152 - Arquivo CNV, 00092.001121/2012-39: Documentação encontrada na casa do coronel Júlio Miguel Molinas Dias, e entregue à CNV pelo Governo do Rio Grande do Sul, pp. 8-9.

 

153 - Arquivo CNV, 00092.001121/2012-39: Documentação encontrada na casa do coronel Júlio Miguel Molinas Dias, e entregue à CNV pelo Governo do Rio Grande do Sul, p. 10.

 

154 - Arquivo CNV, 00092.000310/2014-58: Inquérito Policial Militar nº 420/99, vol. I, fl. 248, p. 252.

 

155 - Doutor Áureo é o codinome do capitão Divany Carvalho Barros, que fez a Operação Limpeza no Puma, por ordem do tenente-coronel Júlio Miguel Molinas Dias, chefe do DOI-CODI/I Exercito, como já mencionado.

 

156 - Arquivo CNV, 00092.001121/2012-39: Documentação encontrada na casa do coronel Júlio Miguel Molinas Dias, e entregue à CNV pelo Governo do Rio Grande do Sul, p. 33.

 

157 - Arquivo CNV, 00092.001686/2014-88: Depoimento de Cláudio Antônio Guerra à CNV, em 23 de julho de 2014.

 

158 - Arquivo CNV, 00092.001121/2012-39: Documentação encontrada na casa do coronel Júlio Miguel Molinas Dias, entregue à CNV pelo Governo do Rio Grande do Sul, p. 51.

 

159 - GUERRA, Cláudio. Memórias de uma guerra suja. Rio de Janeiro: Topbooks, 2012, p. 174.

 

160 - Arquivo CNV, 00092.002837/2014-15: Testemunho de Mauro César Pimentel em Audiência Pública realizada pela CNV sobre o caso Riocentro, em 29 de abril de 2014.

 

161 - Portaria nº 362, de 24 de julho de 2001, publicada no Boletim do Exército nº 31/2001, de 3 de agosto de 2001.

 

162 - ARGOLO, José; RIBEIRO, Kátia; FORTUNATO, Luiz Alberto M. A direita explosiva no Brasil. Rio de Janeiro: Mauad, p. 264.

 

163 - Arquivo CNV, 00092.000295/2014-46: Processo nº 0017766-09.2014.4.02.5101, em trâmite perante a 6ª Vara Criminal Federal do Rio de Janeiro.

 

164 - ARGOLO, José; RIBEIRO, Kátia; FORTUNATO, Luiz Alberto M. A direita explosiva no Brasil. Rio de Janeiro: Mauad, pp. 265-268.

 

165 - GASPARI, Elio. "A atualidade do Riocentro chama-se impunidade", Folha de S. Paulo, de 24 de outubro de 1999.

 



Comissão Nacional da Verdade